8 de junho de 2013

Entrelaços




Sentimentos virtuais
(Afetos reais)
Pedaços que se encaixam
(Mãos que se entrelaçam)
Sorrisos que se encontram
(Almas que se chocam)
Vontades que se desejam
(Olhares que se amam)
Toques que já se sentem
(Corações que não mentem)

O silêncio que se rompe no teclar
(Um grito solene do amar)
As vidas que se encontram no pensamento
(Elos que se conectam num bonito entrosamento)
O sonhar que se agita a cada momento
(Ebulição de desejos e encantamentos) 
Faz-nos crescer em sentimentos
(Faz na dor um rompimento)

Os desejos que se cruzam
(E a paixão que acelera)
Rompem as tristezas passadas.
(Desperta alegrias no coração)
Navegamos no mesmo mar
(Em meio à essa imensidão)
Nos achamos no mesmo porto
(Nos tornamos abrigos um ao outro)

Perdidos em delírio o voo é lançado
(Qualquer medo é sublimado)
E o pouso dar-se-á
(Sem mais delongas)
Somente no horizonte mais brilhante
(No paraíso não tão distante)
Onde chegaremos a qualquer hora,
(Onde nos afeiçoaremos sem demora)
Sem sequer sairmos do lugar
(Pra nunca mais deixarmos de amar)



Aspas do Autor: Poema feito em parceria com a querida e amiga Bandys, do blog Esconderijo da Bandys. Quem tiver interesse em escrever comigo é só falar. Abraços! 

15 comentários:

  1. Olá meu caro amigo,ALF!sempre um alento estar por aqui.lindos versos e o amor chega quando e onde a gente menos espera e vem inundar nosso peito de esperanças e felicidades.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  2. Maravilhoso cantinho..
    Adirei ler, e ver...

    Se quiser visitar-me em:http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    Obrigado.. Vou ficar por cá.

    ResponderExcluir
  3. Oii Alê, adorei muito essa combinação de pensamentos =D
    É uma estrofe mais linda que a outra, parabéns :)

    ResponderExcluir
  4. Adorei o poema, está simplesmente lindo.
    r: obrigada pelo o comentário, espero mesmo que venham mais centenas. x)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Que versos lindos *--* Gostei muito.

    http://blog-epitaph.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Essa parceria me lembrou a nossa antiga vontade de escrever juntos, Ale. Ainda vamos fazer isso? Sábado ou domingo vou falar com você no facebook sobre isso.

    Adorei o poema. Isso me fez sentir saudades de uma época da minha vida que apesar de não querer repetir jamais, me fez muito bem. Adorei as palavras.

    Beijos,
    Monique Premazzi.
    http://www.secretsofalittlegirl.com/

    ResponderExcluir
  7. Cada palavrinha me trouxe a memória sentimentos antigos e belas recordações. Muito bonito, os sentimentos independem da proximidade, quando tem que acontecer acontecem, isso só mostra o quanto são poderosos.

    Grande beijo! Parabéns Alê e parabéns Bandy!

    www.eraoutravezamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Cada palavrinha me trouxe a memória sentimentos antigos e belas recordações. Muito bonito, os sentimentos independem da proximidade, quando tem que acontecer acontecem, isso só mostra o quanto são poderosos.

    Grande beijo! Parabéns Alê e parabéns Bandy!

    www.eraoutravezamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Ale,

    É preciso permitir que alguém nos ajude, nos apóie, nos dê forças para continuar.
    Se aceitamos este amor com pureza e
    humildade, vamos entender que o Amor
    não é dar ou receber - é participar.

    E é assim que me sinto no seu canto, participando!!
    Fico honrada de poder estar aqui com vc

    MIl beijos

    ResponderExcluir
  10. Poema muito lindo!!
    Até mais, definiu o que é amar de verdade...
    http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Linda parceria e belos versos.
    O amor chega do outro lado da telinha, do mundo, no coração.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Texto muito lindo. Emoções e sentimentos transbordaram de cada palavra. Parabéns.
    cronicasdeumlunatico.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. O amor sempre será amor...
    Paixão que está longe. Sentimento que está bem perto.
    Amor é amor de todos os jeitos

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Oi, Alexandre!

    É. É inteiramente assim, o sentimento virtual, sem tirar nem pôr.

    Parece que tudo marcha sobre rodas, somos leais e quase perfeitos, mas, de vez em quando há pequenos tropeços, até por coisas simples, e o comboio do amor, ou da amizade, sai um pouco do carril.
    Por vezes, isso até pode ter as suas vantagens.

    Se houver inteligência e boa vontade, tudo retornará, como dantes.

    Teu poema prosa está muito bem equacionado e nos revela, mais uma vez, a tua enorme capacidade na escrita.

    Obrigada pelo teu generoso e bonito comentário, mas o meu último post, que ainda não comentaste, nem eu o teu último, também, visto andarmos "atrasados" um com o outro, está menos sedutor e emblemático que esse que tu comentaste, hoje, "A Casa". Sou muito lúcida e sei quando agrado, ou não, quase a 100%

    Boa semana.

    Beijos da Luz, com estima e carinho.

    ResponderExcluir
  15. Que amoroso e fofo poema, está mesmo wonderful! x)

    R: o amor é mesmo das melhores coisas que existe, devemos mesmo consumi-lo bastante.

    Beijinhos

    ResponderExcluir

O compartilhar de emoções nos ensina bastante coisa. As palavras, aquelas extraídas do coração são regalos plenos de um real sentimento. E isto encanta. A forma verdadeira de se entregar nas ideias e a intensa maneira de expressar o sentir lá de dentro, é uma arte de profunda beleza. Desperte o seu sentimento aqui, e não hesite em demonstrar o que pensas, o que achas, o que sentes e o que amas. Sinta a leitura e me encontre nas palavras. Opine e eu te encontrarei. Esta troca é o que nos ajuda a conhecermos e aprender melhor, sobre a vida, sobre o ser humano e sobre as diferenças. Eu serei profundamente grato. Obrigado!