25 de maio de 2013

Muda declaração




Hoje a boca fala menos
Mas meu coração fala mais
O amor que há no peito
E não me deixa em paz

Me alforrio das palavras
Para poder silenciar
O que fica bem explícito
Dentro do meu olhar

Adormeço meu sentir
Nos braços da mudez
Declamo sem falar
O que causa embriaguez



Aspas do Autor: Porque há momentos em que a mudez diz mais que qualquer palavra...

15 comentários:

  1. Que declaração, meu amigo! Realmente concordo com o trecho: Me alforrio das palavras para poder silenciar o que fica bem explícito, dentro do meu olhar.
    Ultimamente, estou vivendo desse silêncio, é mais preferível do que usar certas palavras que, por sua vez, venha demonstrar certos sentimentos.

    Parabéns!!

    Vou vim com mais frequência, aliás, estou devendo isso. Acho que fiquei tempo demais longe dos blogs.

    Abraço!




    ResponderExcluir
  2. Alê, quanta doçura! Amei vir aqui e ler esse poema! Estava com saudades de passar por aqui. Hoje me alforriei um pouco das tarefas de casa. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Realmente, a forma mais linda e mais explicativa de declaração não se passa de um simples olhar. Ah, estou aguardando loucamente o lançamento do livro :)
    Tem post novo no blog
    Beijos
    barradosno-baile.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Em mim hoje tudo é mais, a boca fala mais, o coração mais ainda e alto.
    Da um certo medo, e a embriaguez é das bravas.

    Belo poema!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ahhh embragar de amor...hummmm
    voce a cada dia me deixa tonta com suas poesias.

    Lindo demais.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. O silêncio diz o sentimento que as palavras escondem.

    Belo poema!!!

    Um abraço meu.

    ResponderExcluir
  7. O silêncio muitas vezes é melhor do que as palavras para se expressar. O olhar também. Sem palavras, apaixonei por teu poema.
    Estou seguindo.

    Beijão, Lari.❤
    Vitamina de Pimenta
    @laricrazy_

    ResponderExcluir
  8. O silêncio que grita o que as palavras são incapazes de dizer. Porque para o amor não há palavras o bastante, ele se revela em sorrisos, em olhares, em silêncios demorados, em toque constituindo toda essa poesia que é amar e demonstrar amor.

    Eu amei seu poema, é tão lindo, tão doce, tão puro, ainda sou o tipo de pessoa que se apaixona pelas pequenas (mas de grande significado); coisas, sendo assim impossível não me apaixonar por esse poema.

    Grande abraço, Alê. ^^
    www.semprovas.blogspot.com
    www.eraoutravezamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Boa noite

    Bonito poema. Fabulosa harmonia entre palavras e/ou frases.Gostei de ler. Parabéns..

    Gostava que visitassem e, querendo, se fizessem seguidos/as. Fica o meu Obrigado.
    .
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  10. Olá, querido Alexandre!

    A escravatura já terminou, pelo menos, oficialmente, em todo o mundo.

    A outra, a que você fala em seu poema, por vezes é necessária, porque dá ênfase.

    O silêncio, o sermos "mudos" no amor, diz logo tudo, e o olhar é cúmplice, destoando, porque fala pelos nossos sentires.

    Bom fim semana.
    Beijos da Luz, com muita ternura.

    ResponderExcluir
  11. Lindo!! os melhores sentimentos não podem ser expressos em palavras, mas sentidos com o coração. Acho que você conseguiu fazer as duas coisas. Belo poema!

    ResponderExcluir
  12. Apaixonante...*_* tem momentos em que o silêncio fala mto mais...

    Bjs =* Muitas saudades daqui...

    ResponderExcluir
  13. Triste, mas linda mensagem
    um abraço!

    ResponderExcluir
  14. CONVITE
    Passei por aqui lendo, e, em visita ao seu blog.
    Eu também tenho um, só que muito simples.
    Estou lhe convidando a visitar-me, e, se possível seguirmos juntos por eles, e, com eles. Sempre gostei de escrever, expor as minhas idéias e compartilhar com as pessoas, independente da classe Social, do Credo Religioso, da Opção Sexual, ou, da Etnia.
    Para mim, o que vai interessar é o nosso intercâmbio de idéias, e, de pensamentos.
    Estou lá, no meu Espaço Simplório, esperando por você.
    E, eu, já estou Seguindo o seu blog.
    Força, Paz, Amizade e Alegria
    Para você, um abraço do Brasil.
    www.josemariacosta.com


    ResponderExcluir
  15. Alexandre, gostei daqui. :)
    Estou te seguindo, voltarei mais vezes.
    Beijo.

    ResponderExcluir

O compartilhar de emoções nos ensina bastante coisa. As palavras, aquelas extraídas do coração são regalos plenos de um real sentimento. E isto encanta. A forma verdadeira de se entregar nas ideias e a intensa maneira de expressar o sentir lá de dentro, é uma arte de profunda beleza. Desperte o seu sentimento aqui, e não hesite em demonstrar o que pensas, o que achas, o que sentes e o que amas. Sinta a leitura e me encontre nas palavras. Opine e eu te encontrarei. Esta troca é o que nos ajuda a conhecermos e aprender melhor, sobre a vida, sobre o ser humano e sobre as diferenças. Eu serei profundamente grato. Obrigado!