Poesia perdida

08/09/2012





Pelos escombros da alma
Vi, fugidia, a poesia que perdi
Apurei os olhos, e ao notar
Empalideci

Rimas de encanto e amor
Entregues ao bel desamor
De um íntimo imprudente
Vítimas de um coração decadente

Hoje a encontrei,
Mas o que fazer, ainda não sei
Ela tem versos que declamam bem
O que sinto no peito como ninguém

A poesia que perdi
Tem afeto pleno de amor
Por alguém que vive em mim
Musa etérea, a mais fina flor

Poesia de esplêndido querer
Que nas letras voltou a viver
Perdida, porém encontrada
A mais bela declaração pra minha amada





Aspas do Autor: Um poema romântico... Pra variar... (risos)

11 comentários:

Flor de Lótus disse...

Ah é bom ver e entrar em contato com seu lado romântico ALF é sempre um alento saber que existem pessoas que acreditam no amor e que vivem-o da melhor forma possível.
Um ótimo final de semana!
Beijosss

Juliane Bastos disse...

Sempre algo "perdido" nos revela muito, principalmente quando é algo que vem do coração e que realmente é necessário ser exposto.
Adorei o teu blog e já me tornei seguidora. :)

Anônimo disse...

Eu também estava sentindo falta dos seus comentários looongos lá no meu espaço. E sempre repletos dessa poesia perdida que você trata de encontrar e encaixar muito bem nas entrelinhas do que escrevo.
Eu te agradeço toda a amizade que até hoje disponibilizas para mim, e por não ter se cansado da minha escrita. Você é uma migo grande e de longa data, meu caro.
Obrigadíssima.
Abraços.

Anónimo disse...

Oi Alexandre, meu querido!

Que ternura de poeminha!
Você sabe dizer: TE AMO" como ninguém. Com poesia ou sem poesia, seu coração está soltando amor, esperança e, vamos acreditar, nenhuma dor.

Você na prosa se "espraia" mais, fala de todos os pormenores, com sabedoria e muito punho. Na poesia, as coisas não são bem assim.
É tudo um pouco subjetivo, e quem lê pode deduzir o que quiser.

A poesia é formada por pequenos versos, encadeados ou não, e tem, deve ter, sempre, uma chave, que se situa no final, e a que você construiu, tem. É A MAIS BELA DECLARAÇÃO DE AMOR PRA SUA AMADA.

Olha, Alexandre, fiquei sem palavras com teus comentários. Nossa! Que pujança, que brio e que galhardia.

VOCÊ É UM MENINO DE OURO. OBRIGADA.

Beijos da Luz, com carinho.

Há novo post no "Luzes". Terei muito gosto em sua presença.
Te adoro.

Bandys disse...

É bom quanto temos dentro da gente
alguem que se torna musa("muso)simplesmente pelo fato de ser pleno de amor.

Uma bela poesia, e a florzinha, lembrou a primavera que esta chegando... com seus perfumes, cores, tamanhos. Lembra amor.

bela poesia.

beijos

Moça disse...

nossa inspiração: smepre nos conduz a escrever as mais belas coisas!!!!
linda poesia!
bjo
e boa semana!

opinandoemtudo.blogspot.com.br

Aymée Meira disse...

gostei muito dela, reflexiva e comovente.
beijos

Amy - Visite o Macchiato

Luzia Medeiros disse...

Uma linda declaração de amor em forma de poesia.

Beijos.

Priscila Ramos disse...

Tão singelo e verdadeiro.Posso sentir sua palavras...
Abraço forte !

Blog Love In Red disse...

Para mim o amor nunca é clichê. Eu amo poemas assim, e este ficou incrível. Quando transformamos o que só nós sentimos tudo fica tão mais fácil, tão mais lindo.

Beijo, e bom final de semana.

Unknown disse...

Lindo encontro com seus sentimentos. Uma declaração. Uma forma linda de sentir e expressar. De viver.

Beijinhos.